beijo

Anel de Rubi

 Rui Veloso

 Tu eras aquela que eu mais queria,

 para me dar algum conforto e companhia,

e era só contigo que eu sonháva andar,

para todo o lado e até quem sabe talvez casar.

 Ai o que eu passei só por te amar,

a saliva que eu gastei para te mudar.

Mas esse teu mundo era mais forte do que eu,

e nem com a força da musica ele se moveu.

Mesmo sabendo que não gostávas,

empenhei o meu Anel de Rubi,

pra’ te levar ao concerto que havia no Rivoli.

 E era só a ti, que eu mais queira ao meu lado no concerto nesse dia,

 juntos no escuro de mão dada a ouvir aquela musica maluca sempre a subir,

 mas tu não ficaste nem meia hora, não fizeste um esforço pra’ gostar e foste embora.

 Contigo aprendi uma grande lição não se ama alguém que não ouve a mesmo canção.

Mesmo sabendo que não gostávas, empenhei o meu Anel de Rubi,

 pra’ te levar ao concerto que havia no Rivoli.

Foi nesse dia que percebi, nada mais por nós havia a fazer,

 a minha paixão por ti, era um lume não tinha mais lenha por onde arder.

Mesmo sabendo que não gostávas, empenhei o meu Anel de Rubi,

 pra’ te levar ao concerto que havia no Rivoli

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: